sábado, 19 de novembro de 2011

[Beyblade] Personagens: Kai Hiwatari

Kai Hiwatari

Kai Hiwatari (火渡カイ, Hiwatari Kai?) é um anti-heróico protagonista da série Beyblade. Ele fez sua primeira aparição durante o lançamento do primeiro volume do mangá no ano 2000 como um antagonista líder da equipe Blade Sharks.

Personalidade

Diferentemente dos outros personagens, a personalidade de Kai muda radicalmente durante sua vida. Em sua infância, ele era feliz e simpático, mas após ser tomado por seu avô, ele é levado para a organização Biovolt, onde Boris Balkov é encarregado de fazer "lavagens cerebrais" nas crianças. Kai é passado por todos os processos de criação de "jogadores perfeitos", e se transforma em um garoto frio, arrogante, orgulhoso e insensível, importando-se somente com sigo mesmo. Contudo, parte de seus antigos sentimentos permaneceram escondidos em seu interior. A todo momento, ele aparenta saber o significado de amizade, mesmo depois de ter ficado tanto tempo sozinho.

Embora um tanto introvertido, Kai é de longe mais expressivo quando joga Beyblade, mostrando o quanto isso é importante em sua vida. No meio da primeira temporada, ele se conforma que seus parceiros o aceitam do jeito que ele é, e que juntos são uma equipe e que todos são seus amigos.

História

Passado

Kai nasceu na Rússia onde passou grande parte de sua infância morando com seu pai Susumo Hiwatari e seu avô, Voltaire Hiwatari. Voltaire era o dono de uma indústria de Beyblade chamada BEGA e devido ao seu enorme sucesso, obrigou Susumo a trabalhar na BEGA para ser seu sucessor. O novo trabalho o afastava cada vez mais de Kai. Quando completou 12 anos (10 anos na versão japonesa), Kai foi mandado por seu avô para a Biovolt, onde ele iria passar por um processo que lhe retiraria todos seus sentimentos para que deixasse Susumo trabalhar em paz. Pouco antes do processo, Kai recebe uma Beyblade onde a Dranzer estava selada. Ele à usa para escapar da Biovolt e destruir parte do lugar. De modo não explicado no anime ou no mangá, Kai foge para o Japão e forma uma gangue chamada Blade Sharks. Seu maior propósito era destruir Beyblades, os objetos que ele acredita terem o separado de seu pai. A fim de chamar a atenção tanto do pai quanto do avô, Kai se transforma no campeão mundial de Beyblade.

Beyblade

Kai aparece pela primeira vez no final do primeiro episódio, destruindo as Beyblades de Carlos e Tyson. Posteriormente, ele rapta Kenny e é desafiado novamente por Tyson. Contudo, dessa vez Dragoon estava na Beyblade de Tyson, forçando Dranzer a aparecer. O Dragão e a Fênix batalham em uma luta que termina em empate. Após ver o poder de Dragoon, Kai passa a treinar para o torneio regional de Beyblade. No torneio, ele derrota Kenny e Max, mas perde nas finais para Tyson. Ao fim de tudo, ele, Tyson, Max, Ray e Kenny se juntam em uma equipe, os BladeBreakers, cujo líder é Kai. Entretanto, ele prefere por ser um reserva do grupo. Os 5 começam a jornada no torneio mundial. Na China e nos Estados Unidos, eles enfrentam os White Tigers e os All Starz, mas Kai não participa de nenhuma luta. Na Europa, a próxima equipe era os Majestics. Kai começa uma rivalidade com Johnny McGregor, pois ambos batalham com o elemento fogo. Devido à isso, os dois batalham duas vezes, Kai perde a primeira luta, no castelo de Robert Jurgen, o líder da equipe Majestics, depois, na segunda vez em que batalha com Johnny, Kai vence. Nas finais do torneio, eles foram para a Rússia onde Kai reencontra Boris. A equipe adversária era uma equipe criada pela BEGA, os Demolition Boys. Boris convence Kai a abandonar seus amigos e trocar Dranzer por sua versão negra, Black Dranzer. Ele é desafiado por sua equipe no Lago Baikal mas a Black Dranzer vence a Dragoon, Driger e Draciel. Contudo, a Dranzer é colocada na luta e o poder das quatro feras sagradas derrotou a Black Dranzer. Ao fim da luta, o lago que estava congelado se racha e Kai fica flutuando em uma placa de gelo, recusando o apoio dos outros. Depois de todos admitirem que sentem falta de Kai e que não consegueriam vencer o torneio sem ele, Kai abandona seu orgulho e foge com um helicóptero da BEGA. Ele retorna a Biovolt, onde usa a Black Dranzer para destruir novamente, grande parte do local. Kai reassumi a liderança dos BladeBreakers pouco antes das finais começarem. Na primeira luta contra os Demolition Boys, ele enfrenta Spencer. Ele perde a luta e Dranzer é capturada. Contudo, Ray e Tyson vencem as próximas lutas, dando aos BladeBreakers, o título de melhores do mundo

Beyblade V-Force

Após o torneio, Kai resolve se aposentar momentaneamente de Beyblade para poder terminar a escola. Durante esse tempo, ele é atacado por um misterioso garoto chamado Dunga. Depois de uma árdua batalha, onde Kai saiu vitorioso, ele retorna aos BladeBreakers e descobre que os outros membros da equipe também haviam sido atacados. Esses jogadores de Beyblade depois se revelam ser os Santos Escudos, quatro jovens sacerdotes que pretendiam selar as Quatro Feras Sagradas antes que um grupo chamado Psykicks as capturassem. Com o tempo, os BladeBreakers derrotam os soldados dos Psykicks, obrigando seus melhores integrantes a lutarem. Kai é desafiado por Goki, um garoto que possui uma cópia de Dranzer chamada Cyber Dranzer. Ao fim da luta, a Dranzer destrói a Cyber Dranzer. Por um certo período de tempo, os Psykicks deixam de agir, mas os Santos Escudos ainda tentam capturar as Quatro Feras Sagradas. Kai batalha contra Dunga novamente pela liberdade de Driger, que havia sido capturada. No decorrer do duelo, Ray aparece para ajudar Kai e Joseph para ajudar Dunga. Apesar de estar sozinha, Dranzer consegue derrotar Vortex Ape e Mamunte Invisível. Os Santos Escudos agora estavam com menos dois integrantes. Posteriormente, Tyson e Max derrotam Ozuma e Mariam, fazendo com que os Santos Escudos acreditassem que as Feras Sagradas estavam seguras com os BladeBreakers. Alguns meses depois, é chegado outro Torneio Regional de Beyblade. Entretanto, nesse torneio só eram permitidos duplas. Kai e Ray então unem forças e chegam as semifinais, onde os dois perdem suas Fera-bits para Zeo e Gordo, os dois campeões dos Psykicks. As finais são entre Tyson e Max contra Zeo e Gordo. Tyson e Max vencem o torneio, transformando-se nos campeões do Japão e libertando Dranzer e Driger.

Beyblade G-Revolution

Um ano se passou e próximo Torneio Mundial se aproximava. Contudo, os BladeBreakers se disfazem pois cada um queria enfrentar o outro e decidir quem é o melhor. Kai entra para os Demoliton Boys (na versão japonesa chamado de Neoborg), agora chamados de Blitzkrieg Boys e sem Boris e Ian. Os representantes do time são Kai e Tala. No torneio, os dois chegam até as finais com 5 vitórias e 1 derrota. Tala empata com Daichi e Tyson começa contra Kai uma luta que decidiria quem é o melhor BladeBreaker. Com o decorrer da luta, Dranzer e Dragoon utiliza, todas as suas forças e a arena começa a rachar. Enquanto isso, Kai e Tyson também se enfrentavam em uma luta um-a-um. Com todo o estrago, o Senhor Dickenson pede para que a luta termine em um empate, mas Ray, Max, Daichi e muitos fãs votam para que a luta continue. Ao fim de tudo, as duas Feras-bits saem da arena e retornam como dois meteoritos, fazendo Tyson e Kai sofrerem sérios danos. Ambos se levantam, mas Kai tem um colapso nervoso e desmaia, terminando em segundo lugar. Os novos campeões eram Tyson e Daichi. Kai desaparece por algumas semanas, mas volta tentando se qualificar como um membro do time BEGA Justiça 5. Ele chega as finais onde é humilhado por Brooklyn Masefield e sua Fera-bit das trevas, Zeus. Kai some novamente e reaparece na luta contra os reformados BladeBreakers e a BEGA Justiça 5. A quarta luta seria entre Tyson e Brooklyn, mas Kai substitui Tyson. No início da luta, Kai é novamente humilhado. Entretanto, ele pede a Dranzer que use todo o seu poder e o espírito da Fera-bit se funde com o de Kai, dando-o asas e pirocinese. Unidos, Kai e Dranzer derrotam Brooklyn e Zeus, mas a vitória não trouxe um bom prêmio. Após a luta, Kai se afasta de seus amigos e presencia sozinho a morte de Dranzer e desmaia. Contudo, ela rescucita de suas cinzas e, no último episódio durante o ataque de Brooklyn e Zeus, ela e as outras Feras Sagradas derrotam os dois, trazendo o mundo de volta ao normal. No último capítulo do mangá, os BladeBreakers estão adultos e casados. Kai tem um filho chamado Gou Hiwatari que recebeu a Dranzer de seu pai. Retrazendo a antiga rivalidade entre seus pais, Gou e Makoto, o filho de Tyson começam uma nova batalha entre Dranzer e Dragoon.

Dranzer

Dranzer, no original Suzaku (朱雀, lit. Pássaro Vermelhíssimo?) é a Fera-bit de Kai. Ela é o Espírito do Fogo e a Fênix Vermelha Sagrada. Dranzer foi entregue a Kai pela Biovolt, e depois disso, usada para ajudar na sua fuga. Após isso, Dranzer permaneceu por muito tempo como a única amiga de Kai. A princípio, ela era transparente com um contorno brilhante e vermelho. Contudo, em V-Force, suas penas adquirem uma coloração vermelha com alguns detalhes dourados, e seu cabelo se torna branco. Durante toda a série, o laço entre Kai e Dranzer é o maior entre os de humano e Fera-bit. As emoções de Kai aumentam sua força e em certos momentos, essa ligação permite que o próprio Kai possa utilizar os ataques flamejantes de sua Fera-bit. A amizade dos dois foi tamanha a ponto da Dranzer se sacrificar para derrotar Brooklyn e seu Zeus. Entretanto, por ser uma fênix, ela rescucitou momentos depois.

 Dranzer, no original Suzaku (朱雀, lit. Pássaro Vermelhíssimo?) é a Fera-bit de Kai. Ela é o Espírito do Fogo e a Fênix Vermelha Sagrada. Dranzer foi entregue a Kai pela Biovolt, e depois disso, usada para ajudar na sua fuga. Após isso, Dranzer permaneceu por muito tempo como a única amiga de Kai. A princípio, ela era transparente com um contorno brilhante e vermelho. Contudo, em V-Force, suas penas adquirem uma coloração vermelha com alguns detalhes dourados, e seu cabelo se torna branco. Durante toda a série, o laço entre Kai e Dranzer é o maior entre os de humano e Fera-bit. As emoções de Kai aumentam sua força e em certos momentos, essa ligação permite que o próprio Kai possa utilizar os ataques flamejantes de sua Fera-bit. A amizade dos dois foi tamanha a ponto da Dranzer se sacrificar para derrotar Brooklyn e seu Zeus. Entretanto, por ser uma fênix, ela rescucitou momentos depois.

 

Fonte: www.wikipedia.org

Nenhum comentário:

Postar um comentário